Porque as pessoas não brigam no privativo

11/04/2003 by na categoria Crônicas tagged as , , , , with 0 and 0

Recentemente, num grupo de whatsapp que participo, um rapaz jogou gasolina e ficou esperando eu riscar o fósforo. Uma moça, prevendo que a coisa ia pegar fogo, sugeriu: “Por que vocês não vão brigar no privativo?”. Esse texto é minha resposta. Mas antes de deixá-la explícita, vou deixá-la implícita, contando uma piada.

Um náufrago estava numa ilha deserta quando, de repente, viu uma pessoa se afogando no mar. O náufrago se jogou na água, salvou a pessoa e a levou para ilha. Chegando na ilha, descobriu que a pessoa era a Sharon Stone. Muito agradecida, a Sharon Stone disse para o náufrago pedir o que quisesse em retribuição ao salvamento. O náufrago não pensou duas vezes e disse: “Quero fazer sexo com você!”. Durante um mês eles transaram todos os dias e o náufrago ficou muito feliz. Do segundo mês em diante, o náufrago começou a ficar deprimido. Nem queria mais transar. A Sharon Stone percebeu e perguntou se tinha algo mais que ela podia fazer para deixá-lo feliz novamente. Sem hesitar, o náufrago pegou um velho baú de roupas e vestiu a Sharon Stone de paletó e gravata. Depois disse: “Faz de conta que você é meu colega de trabalho. Eu vou ficar parado aqui como se estivesse no escritório. Você chega e me cumprimenta.”. A Sharon Stone achou estranho, mas concordou. Assim que ela cumprimentou o náufrago: “Tudo bem, meu amigo!”, o náufrago respondeu entusiasmado: “Oh rapaz, você não sabe da maior: tô comendo a Sharon Stone!”

É por isso que a rede social é palco de tantas brigas. Glorificação e difamação só funcionam quando tem platéia. Quem joga flores ou tomate é a platéia. Por isso, jamais você recebeu ou receberá uma mensagem no privativo dizendo que você tem pinto pequeno, ou que é gorda balofa free willy, ou que é um babaca retardado. Difamação privada vai direto para privada. Não tem poder nenhum. Difamação só funciona quando é feita na rede globo em horário nobre. Outra coisa é que difamação privada não é difamação, é conversa. Você envia uma mensagem descrevendo o problema com a intenção de conversar e resolvê-lo, não de piorá-lo. Mas enfim, espero ter esclarecido porque as pessoas não brigam no privativo.

Não publiquei esse texto para me vangloriar dessa explicação, mas se você curtiu, pode me enviar um joinha. Se não curtiu, pode jogar tomate, no privativo.

Porque as pessoas felizes são felizes
Porque desisti de ser poeta
© 2018 · Marcelo Ferrari