Não escrevo poemas

13/04/2003 by na categoria Poemas tagged as , with 0 and 0

Não escrevo poemas
me descasco concêntrico
feito cozinheira
abrindo cebola.

Não escrevo poemas
tiro a roupa sem pudor
feito gordo
dentro da sauna.

Não escrevo poemas
me entrego ao acaso
feito prostituta
ao próximo cliente.

Não escrevo poemas
resumo meu insumo
feito criança
enchendo bexiga.

Músico no churrasco
Não sei
© 2018 · Marcelo Ferrari