Crônicas

Se você sabe que Elvis Presley morreu, que Michael Jackson morreu, que Prince morreu e não sabe que Chico César está vivo, tocando aos vivos, é com você que estou falando! Se seus heróis morreram de overdose ao invés de dengue, violência ou subemprego, é com você que estou falando! Se você sabe fazer ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Não lembro perfeitamente como a professora do catecismo explicou, mas era algo como visão de raio-x, onde deus via até através das paredes. "Nossa! Mas ele vê tudo, professora?" A gente perguntava. "Sim, ele vê tudo", ela respondia. "Mas ele vê tudo, tudo, tudo, tudo mesmo?" Insistíamos. "Tudo, tudo, tudo", ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Olho pela janela do táxi e vejo um ônibus. Viajo na ideia de que a vida é um coletivo de almas. Uns sobem, outros descem, fica cheio, vazio, meio-vazio, meio-cheio e cada ponto é final e partida. Tem branco, negro, japonês, loiro, magro, alto, gordo, baixo, criança, velho, empregado e patrão. Raimundos ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Está em dúvida se encontrou sua alma gêmea? Pergunte ao candidato/a qual é a revista que ele lê. Se Forrest Gump é capaz de conhecer as pessoas pelos sapatos, por que não confiar em quem faz pesquisa de mercado? O cupido agradece. As cartomantes é que não vão gostar. Conheço um rapaz que passou ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Cidade não tem noite, sois eletrônicos acendem com o timer e o espetáculo da escuridão, mesmo presente, fica invisível. Sempre morei na cidade. Aliás, quase sempre. Suficiente para que minhas retinas se esquecessem que são duas luas. Certa vez, arranquei a avenida paulista de dentro de mim e fui morar em um sítio ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Você ama alguém? Desculpaí, mas você é muito burro! Você ama de verdade? Do fundo do coração? Então você é um completo idiota. Não importa se você ama seu pai, sua mãe, seu marido, sua mulher, seu filho, Jesus ou a humanidade, você é burro do mesmo jeito! Quer ver ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Gosto de ler crônicas andando de bicicleta. Transformo os textos em arquivos de mp3, coloco no celular, plugo o fone de ouvidos e pronto: biciblioteca. Atualmente estou ouvindo 708 crônicas maravilhosas. Esse é o título do livro. Peguei na internet. Recomendo. Memorizei o número 708 porque tive que dar 708 espaços entre as cronicas para que o ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Fiquei órfão de mais um seriado. Estou passando pelas cinco fases dos impacientes terminais. Já neguei, briguei, deprimimimi e tentei barganhar sobrevida com os reviews do youtube que outrora fiz tanta questão de evitar. Nada satisfaz. Nada reconforta. Nada faz a vida voltar a ter sentido.  Quem me deixou lost dessa ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O homem com máscara de empresário sai pela rua com os vidros do carro fechados. Seu sistema imunológico metaboliza títulos em ordem alfabética. A mão com máscara de coitada bate na janela, mas o chofer com máscara de fiel diz que hoje não. O farol abre. Na esquina, o homem com ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: Sal grosso, um saco plástico (dos grandes), 1 caderno, 1 lápis, 1 cadeira, 1 régua de 30 cm, 1 giz branco, 1 caneca, 1 mala sem alça. Preparo: Durante um mês, toda vez que sentir vontade de reclamar de algo, pegue o lápis e escreva no caderno qual é o certo. Por exemplo: ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: 3 baldes, 1 consciência, 1 filme água com açúcar. Preparo: Antes de lavar sua alma verifique os bolsos, para evitar que fique sujeira por dentro. Separe as camadas de alma por níveis de sujeira. As camadas mais sujas devem ficar de molho. Esfregue sua alma. Coloque-a sobre a palma da ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: Amido de milho Mãe Zena, pipoca, tesoura, um boneco voodoo do seu chefe, um despertador quebrado, sal, chocolate do padre, primeira e segunda temporada da sua série preferida de televisão (lost, friends, os normais, etc), batom vermelho, uma folha de papel sulfite e óleo de semente de girassol. Preparo: ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: 1 dúzia de pilhas recarregáveis descarregadas, 1/2 dúzia de recarregadores de pilhas, 1 tambor do Olodum, várias pedras coloridas, 2 dúzias de pães, 1 lata de tinta branca latex, 1 pincel, 2 dúzias de salsichas, 1 filme dos trapalhões, 1 pote de sorvete, 5 sacos de doritos, 1 garrafa ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: Vergonha (em pó), 2 atitudes (em cápsulas), 1 caneta esferográfica, 1 cartela de etiquetas (24 unidades), 1 mundo inteiro, 2 dúzias de bonecos voodoo, 1 MP3 da música “Manhãs de Setembro” com Vanusa, 1 mochila, 1 caixa de sapatos cheia de esperanças (insetos verdes), 1 estilete e 1 espelho ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: Um galho de rotina, duas colheres de hábitos bem secos, meia dúzia de teias de aranha do sofá da sala, um par de kichutes (ou similar), uma toalha vermelha grande, um cartão de ponto, um pirulito (qualquer sabor), uma galinha preta, um tubo de espuma de barbear (spray), um ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ingredientes: 1 caixa de Bis, 1 pacote de Doritos, edição completa do seriado Lost. Preparo: Coloque o primeiro episódio da primeira temporada do seriado Lost no seu aparelho de DVD. Sente-se no sofá. Coloque a caixa de Bis e o pacote de Doritos no seu colo. Aperte o play e comece ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Apertei a barriga do cachorrinho de pelúcia e uma voz mecânica dentro do brinquedo me disse: “I love you”. Me lembrei do filme Mulheres Perfeitas, onde as esposas da cidade eram robôs. O marido apertava um botão e a esposa fazia almoço, apertava outro botão e a esposa trazia os ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Cadê os Caras? Não sei! Ninguém sabe! Sei que os Caras estão na política, na religião, na cultura, na pequena e na grande área. Sei que os Caras são uns filhos da puta, que são foda, que não entendem porra nenhuma. Sei que a culpa é dos Caras. Claro! É ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Podemos ser pés no chão, ao invés de reis da barriga. Podemos decretar a lei de nash, ao invés da lei do gerson. Podemos ser transparentes, ao invés de sorrir amarelo. Podemos nos oferecer em banquete, ao invés de ficar de olho no feijão do vizinho. Podemos usar o dinheiro, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O cara da balada com o kinder ovo na mão é filho do dono da TAM, é filho do dono da Brastemp, é o filho da puta que ganhou na megasena acumulada.  O cara da balada com o kinder ovo na mão é o ganhador do nobel de literatura, é ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Donana vira o balde em posição de tambor e começa a batucar uma folia de reis. As galinhas, hipnotizadas pelo som, vão surgindo das árvores, das cestas, das moitas e até de outras dimensões. Donana enche o balde com grãos de milho, remexe os grãos com a mão e o ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Tenho uma amiga terapeuta que parece disco riscado de tanto que repete: “Sejam gratos a suas mães, pois foram elas que lhes deram a vida”. Desconsiderando a parte sobre o que é vida e também a suposta doação, o problema não é que as mães nos deram a vida, o ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Olhei pelo vidro e por acaso vi um sanfoneiro chegando. Por acaso ele era cego. Se sentou numa caixa de madeira, colocou o chapéu na frente e por acaso começou a tocar uma de minhas músicas favoritas de Luiz Gonzaga, Asa Branca. Quando saí do banco, fui colocar algumas moedas ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Socorro parou em frente a gôndola. Encarou o fetiche de páscoa. Com aquele dinheiro dava para comprar três sacos de feijão. Chumbinho vivia cantando Bob Marley no bar dos sujismundos. Socorro disse que era para o neto. Mentiu. Socorro não sabia ser pagã, nem brincar de boneca. Chumbinho não tinha onde existir. Quando o ovo de ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ana havia se tornado uma devedora compulsiva e resolveu buscar ajuda num grupo de anônimos. Insegura, pediu que eu fosse com ela na primeira reunião. O encontro seria no sábado, numa igreja no centro de São Paulo. Aceitei, pensando em ajudá-la. Ledo engano! Para ela foi apenas um banho de sal grosso, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Deixe-me adivinhar! Você deixou de ler os quadrinhos para ler os editoriais. Trocou a disputa de quem tem o cabelo mais comprido por quem tem o cargo mais alto. Fez pano de prato com a camiseta do Led Zeppelin e começou a dormir de pijama. Passou a repetir para seus ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Nove tiros. Ninguém quer sentar do lado da mulher melancia. A menina aperta online. Liga a webcan. Também hesito. A bundadela invadiu duas poltronas. São três adolescentes no youtube. “Hoje vamos contar uma coisa que todos fazemos, mas ninguém tem coragem de admitir”. A ambulância chega no local. O rapaz morto ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ela queria falar, mas tinha esquecido as palavras. Quanto mais tentava, mais sua língua desaparecia. Então, entre soluços, deixou escapar tudo de uma vez: — Achoquestougrávida! — O que?! — reagi assustado. — Vamos fazer um teste? — ela disse. Tirou uma embalagem de dentro da bolsa e me deu ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O filme se chamava "Cria cuervos”. Se você já assistiu, sabe que é atípico expor uma criança a tal conteúdo. O filme é muito deprê. Parece um blues tocado por um pianista bêbado durante o funeral do próprio filho. Eu nunca havia pensado na morte, nem no sofrimento disso, mas por várias vezes ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Tem um pedaço da letra que diz “Bob Marley… Peter Tosh”. Mas não adianta digitar esses dois nomes no Google. Eu já tentei. É igual digitar “chocolate” para procurar a música do Tim Maia. Aparece um monte de sites de chocolate e nada de música. O pior é que a ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Dona Florinha, Dona Zefa, Dona Neusa, Dona Regina, Dona Fátima, donas do mundo, donas da razão. Se o filho é pródigo, o apocalipse vem de chinelo. Pobres bundas carnais. Deus permite. Abençoa. Afinal, deus não tem mãe. Não moro mais com minha dona, mas durante a semana vou almoçar no ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Primeiramente: o tio é gatão. Não se preocupe em entender isso, é apenas algo que eu não podia deixar de falar. Entendedores entenderão. Tendo dito, vamos à crônica…. “Só faltou você escrever a crônica”, minha sobrinha me disse no fim da nossa viagem. Olha que sensacional! Essa crônica começa pela ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Essa mina é loca! #tipoanitta! Muito mais loca que Anitta. #elafazboquete? Não mano! Escuta! A mina acordou pilhada. Atrasada para um compromisso. Eu estava no computador, escrevendo. #elafezumboquete! Não mano! Eu estava escrevendo um treco, super concentrado. A mina pilhada. Escovou os dentes, trocou de roupa, tomou café e tal. Passado ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O telefone toca. Vou atender. É Lima. Deduzo que vou ficar uns vinte minutos por ali. Puxo uma almofada e me estico no sofá. No meio da conversa, ele menciona a palavra epifania. — O que é isso? — pergunto. — Epifania — explica Lima — é o momento sagrado ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Minha primeira estratégia para mudar o mundo foi rir do mundo. Eu carregava uma folha de caderno encardida na carteira com dezenas de desfechos de piadas escritas a caneta. Exorcistas usam enxofre para espantar demônios, eu usava piadas. Quinze minutos de risada e qualquer cemitério de elefantes virava pombal.  Experimentei ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Saio para ver a luz da tarde. Ela me oferece coração de boi. Agradeço a gentileza e recuso, não pelo gosto, mas pelos fiapos que, prevejo, ficarão entre os dentes. Acendo o cedê-player. Ela me chama. Faço leitura labial: "Você está surdo?". Peço que desamarre o lenço suado que segura ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
No oco da minha cabeça tem um Google tradutor. No pulso do meu coração tem um demônio. Quando os dois se juntam contra mim, fico completamente impotente. O Google tradutor transforma tudo que cai na minha rede em beleza e o demônio me obriga a dançar. Foi mais ou menos ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Com olhos vermelhos e a maior franqueza do universo, o cara me disse: “Você não entende nada do que o Raul está dizendo”. Fiquei indignado. Como não entendo? Entendo sim! Tô ligado! Tô sabendo! Eu manjo! Nem lembro quais eram as gírias da época para expressar sapiência, mas usei todas ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Sou caipira pira pora. Só aos 15 anos de idade, quando meus pais me mudaram para São Paulo, descobri que existia elevador e guitarra. O rock mais pesado que tocava na minha vitrola era Estúpido Cupido. “Bbbbbbbbrrrrrrrrrrrrrr! Eu vou pra Jacarepaguá!”. Adorava essa frase! Meu lance com música já era mais com as palavras ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Acordo cedo e vou tomar café no camelô. Aliás, cameloa. A moça simpática me serve um delicioso bolo de fubá. Ela está conversando, como de costume, com um trabalhador nordestino que também, como de costume, aparece na barracadela no mesmo horário. O cara, como de costume, ignora minha presença. Hoje ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ainda não havia internet naquela época, então, todo tráfico de informação era feito através de fitas de vídeo cassete. De vez em quando alguém chegava excitado, com uma fita debaixo do braço. Não era pornô. Era filme novo de skate. Os astros eram caras como Christian Hosoi, Tony Hawk, Tommy Guerrero, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Barba por fazer, cabelo por fazer, bigode por fazer, cigarro por favor. Happy me confessa que o corpo fechado com três blusas é raiva. Hu manos uh! Ahs minas pá! Sinto, muito. “Alegria é minha vida, se não faço o antídoto, morro de veneno”, ele me diz. Colam mais dois rappers ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Meu amigo comprava umas revistinhas de eletrônica e depois montava umas maquinetas. Eu, que era fã do professor pardal, ficava vidrado nas produções dele. Um dia, ele me levou até a sala da casa dele e mostrou uma tábua maluca, cheia de fios e interruptores. "O que é isso?", eu ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Adoro artistas de rua. Me lembro de um chamado Homem Avestruz. Vendia uma pomada de peixe-elétrico que servia para passar em tudo, até no vestibular. Avestruz engolia relógios, garfos, cacos de vidro, tesouras, e, no ponto alto do seu show, engolia um cadeado fechado e depois o retirava aberto do ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
— A humanidade é um lixo! — diz a voz agressiva e convicta. Olho para trás a fim de reconhecer o autor e tentar entender o motivo. — A humanidade é um lixo! — ele repete. Investigo o dono da frase de cima a baixo. Sua pele é encardida. Usa ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Quando estavam nus conversavam por meio daquele estranho idioma. A língua era criação fonética deles. Um falava e o outro respondia. Quando estavam vestidos o idioma desaparecia. Quando estavam vestidos a comunicação era com palavras claras e precisas, quase uma conversa de advogados. O estranho idioma só vinha à língua quando estavam ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Estava pendurado no computador quando ela ordenou: "Tire essa toalha molhada de cima da cama e a pendure no banheiro". Peguei o ser de pano e o pendurei no gancho, perto do chuveiro. A toalha ficou surpresa no ar. Meu olhar se despendurou de mim e foi buscar um ponto fixo ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O escritor sou eu. Quer ver? Rinoceronte, avestruz, gafanhoto, in cons ti tu ci o na li ssi ma mente. Sempre quis escrever isso. Ele nunca deixou. Qual era o problema? Acabou o tabu! Qualquer coisa. Qualquer coisa. Qualquer coisa. Tá vendo! Ele não escreve nada, só censura, depois assina. É pau, é pedra, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Uma loja de discos perto de casa estava promovendo pocket shows para aumentar as vendas. O publico nunca passava de um punhado de gatos descapitalizados como eu. Deve ser por isto que a loja faliu. Mas enfim, certo dia, quase na hora do show começar, um neguinho que estava conversando na platéia, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Entrei no nariz. Virei nariz. Eu não tinha pé, nem orelha, nem boca. Eu era só nariz. Doendo. Latejando. Ao invés da dor diminuir, aumentou, insuportavelmente.  — Pula dentro! — Como assim? — Pula dentro da dor! — Nemfodendo! — Quer continuar sofrendo? — Também não. — Então pula dentro da ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Entro no ônibus mastigando agendas. O tempo está contra, mas o trânsito está a favor. Nem sinto o percurso. Quando levanto para descer do ônibus, encontro um rosto familiar no corredor. Vacilo por alguns segundos. Posso fingir que eu não sou eu, que não estou vendo o que vejo e ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Caminhávamos em prosa e verso por uma longa avenida. — Para onde estamos indo? — Estamos indo para o ponto — respondi. — Para que? — Para pegar o ônibus. — Pegar o ônibus, para que? — Para voltarmos para casa. — Este é o ponto! — Que ponto? — ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ontem, Murphy me pegou pelo pé, quebrou a corda do meu violão, fez minha namorada viajar, sumiu com o dinheiro que havia guardado dentro da meia e cortou a eletricidade bem na hora da novela. Resumindo: meu dia caiu com a manteiga virada para baixo. Para aliviar a frustração, pulei ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Sim, você recebe muitos convites, mas não se iluda, você jamais foi, é ou será convidado para um churrasco. Quando lhe dizem gentilmente “Vai ter um churrasco em casa, aparece lá!”, você não está sendo convidado para participar e sim para animar a festa. Você é a banda do Zé Pretinho ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Eu era fascinado por ciência e estava prestes a ter minha primeira aula de filosofia. A professora entrou na sala, fez chamada e desenhou uma fogueira na lousa. Depois pegou minha mão e começou a me conduzir para fora da Caverna de Platão. Pense numa pessoa em choque. Multiplica por ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Certa vez, na sauna do clube, que é um ambiente masculino e adulto, ouvi um cara falando: "Eu faço terapia. É o melhor investimento que uma pessoa pode fazer na vida, entender como funciona por dentro. Mudou minha vida!". Uau! Vem surgindo um novo cabra macho! Pensei. Trabalho com autoconhecimento. É ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Eu sou (A) galinha. Sim, (A)quela! Vim botar ordem no galinheiro. Acabar com a polêmica. Quem nasceu primeiro? Eu, claro! Vocês são imagem e semelhança, logo, são euvo. Antes deu botar vocês em pé, nem antes tinha. Outra coisa! Não abandonei ninguém. Se querem abandono, abandonem essa ideia! O universo ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Usávamos capacetes e roupas de chuva. Parecíamos astronautas. Ninguém reparava. Éramos motoboys, éramos a rotina do cartório, éramos o lado de fora do balcão. O lado de dentro eram os robôs pá-pum-próximo. Documento. Pá-pum-próximo. Documento. Pá-pum-próximo. Documento. Pá-pum-próximo. Documento. Pá-pum-próximo. Documento. Pá-pum-próximo.... Haviam exceções, pessoas que pareciam enxergar na repetição de mesas, papéis, carimbos e capacetes, algum tipo ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Quando meu pai morreu, fiz questão de ver o corpo no local do óbito. Queria ver minha reação ao encarar a morte de alguém tão querido. Cheguei no local com bastante apreensão. O pessoal me conduziu até a sala onde ele estava, mas ele não estava. Seu peito vestia a ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Na época de faculdade, nas provas de redação, primeiro eu fazia minha redação, depois, escrevia uma segunda redação e passava para um amigo. Ele sequer lia o que eu escrevia. Para ele, qualquer baboseira era melhor do que ele mesmo escrevendo. O interesse dele não era pelo texto, era pelo ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O nadador americano, Ryan Lochte, aquele que mentiu sobre ter sido assaltado nas olimpíadas, contratou um gerenciador de crise para salvar sua imagem. Novo recorde do pleonasmo! Gerenciador para salvar imagem é um jeito mentiroso de dizer marketeiro. Marketing é um jeito mentiroso de dizer mentira. O que Ryan Lochte ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Pitoco era um cachorro salsicha. Cachorros salsichas são fáceis de tratar e excelentes sirenes de polícia. Minha avó tinha um bando deles. Morriam uns, nasciam outros. Ela sempre tinha uns quatro deles pela casa. O método de preservação da raça era a pouca-vergonha. O filho transava com a própria mãe, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Era um dia besta. Era uma aula besta. As meninas bestavam de stop. Os meninos bestavam de futebol. Foi quando o professor besta, pediu para um moleque besta, ler sua redação. O bestão ficou abestalhado. Desembestados, começamos a bestar dele. Era uma história besta, onde umas pessoas bestas, iam para ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
As vezes vou até a cozinha, coloco um fio de água na frigideira e acendo o fogo. Faço isso para assistir de camarote o líquido se transformando em vapor. Aguardo com paciência a aparição das microbolhas e recordo as palavras ígneas da professora de ginásio: “Água vira vapor quando chega ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
A gente não se lembra que foi até a rodoviária, escolheu o destino, comprou a passagem e entrou no ônibus. A gente não lembra de nada disso. Quando a gente se dá conta da gente, a gente já é gente, mais um na contagem regressiva do tempo. O ônibus balança, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Recentemente, num grupo de whatsapp que participo, um rapaz jogou gasolina e ficou esperando eu riscar o fósforo. Uma moça, prevendo que a coisa ia pegar fogo, sugeriu: “Por que vocês não vão brigar no privativo?”. Esse texto é minha resposta. Mas antes de deixá-la explícita, vou deixá-la implícita, contando ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Quando ainda era cria de um anjo reto, fiz algumas oficinas de literatura na biblioteca circulante. Uma delas foi com Carlos Felipe Moisés, poeta e professor da USP. A oficina durou uns 90 maços de cigarros. Digo isso porque Moisés falava eloquentemente e acendia um cigarro no outro. Tic palavra ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Primeiro, Deus sentiu desejo, feito mulher grávida. Só que naquela época ainda não existia desejo. Então, Deus sentiu um treco, um troço, um deusconforto, tipo coceira no nariz. A coceira foi aumentando e foi dando uma vontade de mexer.  Como Deus era tudo e não tinha para onde ir, o jeito foi Deus ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Minha missa é ir na sauna. Primeiro cozinho por 15 minutos, feito legume, depois faço a barba e, por fim, vou ouvir música na espreguiçadeira. Ontem, assim que cheguei na parte da espreguiçadeira, peguei a bíblia digital, abri no capítulo spotfy e cliquei no versículo rap. A primeira música que ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Pessoa tinha a voz do Tim Maia, o humor do Tim Maia, a barriga do Tim Maia e a veia cheia de ratos do Cazuza. Nossa amizade era AA (artística e alcoólica). Certa vez, convidei Pessoa para cantar num show de rock, na banda que participava. "É sério? Nunca cantei ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Tudo começa quando o despertador toca as 6:27 da manhã. Crianças acordam, apenas acordam. Adultos não. Adultos controlam o tempo. Adultos acordam as 6:27. E como se não bastasse, as 6:43, já sabem se vai chover na frança, que teve terremoto de escala 3,2 na china, que aumentou o preço ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
“O amor começa quando aprendemos a ouvir o outro”, ela disse. Virei as costas e saí da frase. Só que a frase não saiu de mim. Grudou. Virou um trava língua dentro da minha cabeça. “O amor começa quando aprendemos a ouvir o outro começa quando o amor aprendemos a ouvir ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Na prática, todos fazemos sexo. Pelo menos todos que fazemos, fazemos. Na teoria, quem faz sexo para matar a fome de sexo, é praticante, quem faz sexo para a matar fome de arroz, feijão, bife à milanesa ou bolsa da Louis Vuitton, é puta. Por que a diferença teórica se ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Acordei com vontade de beijar um homem. Não saí do armário. É saudades do meu pai. Saudades de brincar de plástico bolha com o lóbulo da sua orelha. Quantas histórias! Vou contar uma que marcou minha alma e seu corpo. Uma que começou com uma carreata de sorveteiros. Uma loja estava sendo inaugurada perto de ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
A teoria euclidiana diz que a menor distância entre dois pontos é uma reta. Decerto o matemático Sr. Euclides Cartesiano Quadradão desconhecia as curvas do desejo. Quando estou indo para o trabalho, sempre que dá, corto caminho pela padaria Santa Ana, que vende a melhor broa de fubá da cidade ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Jorge colocou o violão no meu colo e disse: “Toca uma pergunta!” . Fiz cara de bundalelê e fiquei olhando para o violão. Jorge se tocou e me ajudou: “Faz uma frase musical!”. Ah! Claro! Simples! Ainda não tinha a mínima ideia do que Jorge estava me pedindo. Ele me ajudou ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O amor não abocanha você inteiro, feito bolacha, o amor lhe come pelas bordas, feito sol derretendo geleiras. O amor é irracional, mas não é burro, sabe que você não está pronto para amar. Então, o amor faz o simples, fica ao seu lado feito o mais fiel dos amigos. E, sendo livre, ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Seu pai não fez por mal, fez por ignorância. Seu avô fez com seu pai, então, ele repetiu com você. Seu avô também não fez por mal, também fez por ignorância. Seu bisavô fez com seu avô, então, ele repetiu com seu pai, que repetiu com você. Seu bisavô também ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Voltei a acreditar em Papai Noel. Recomendo. E daí que não existe? Tem tanta coisa que não existe e que acreditamos, internet 3G, por exemplo. Além do mais, quem disse que ser ou não ser é bom critério? Por que não medir a realidade com a régua da simpatia? O que pode ser mais real do que ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Matar o outro não resolve. Você mata um e vem outro. O mato, por exemplo. Não adianta matar o mato. O mato é imatável. O mato é eterno. Você corta o mato e o mato já ressuscitou. A eternidade do mato sempre vence você. Então, ao invés de revólver, experimente ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Queremos sangue! Nossa gênese é sanguínea. No princípio era o sangue. Caim sangrou Abel. Deus pediu para Abraão sangrar seu filho. Jesus tentou lançar o movimento hippie e foi mais sangrado do que bife. Aliás, até hoje vamos na igreja beber o sangue dele. Somos criaturas amotinadas com marretas. Não sabemos criar, então, destruímos. Nossa sede de sangue é sede de destruição. Quando ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Primeiramente, toca a bola Matheus! Bem, escrevi uma crônica falando do racha de sexta e o povo do racha de quarta ficou com ciúmes. Exigiu representatividade. Ainda bem que semana só tem sete dias. Vamulá cobrar mais um tiro de meta. Assunto não falta. Mas falar do que especificamente? Tem ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O esporte é o inimigo número um da corrupção. Se a sociedade levasse tudo na esportiva, não precisaria nem de polícia. O esporte é incorruptível. Ninguém jamais ganhou uma medalha olímpica de salto a distância chantageando a lei da gravidade ou quebrou um record de natação subornando o cronômetro. A ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Fui cumprimentar os caras do racha e um deles me perguntou se a cor da minha camisa era por solidariedade ao outubro rosa. Homem é assim mesmo, está sempre pensando em um jeito de dizer que o outro é viado. Aprendemos isso na infância junto com os palavrões e os ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Adoro o filme Quase Famosos. Conta a história de William Miller, um adolescente que tem a vida transformada pelos álbuns de rock herdados da irmã. Aos 15 anos de idade, genial e precoce, William já escreve em fanzines e consegue marcar um encontro com seu ídolo, o lendário e incorruptível ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Fiz um comentário sobre o jogador e o taxista não respondeu. Fiquei aflito. Desconfiei que o jogador fosse da família dele. Depois percebi que estava ouvindo o jogo. Um taxista que concordasse com o cliente era o mínimo que esperava, mas para evitar uma bola na trave, remediei: — O senhor é corintiano? ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Somos seres que pensam, por isso existimos. Aliás, por isso sabemos que existimos. Pelo menos era isso que Descartes pensava. Agora que Descartes não pensa mais, talvez tenha mudado de ideia. Mas enfim, pensar é o que nos possibilita classificar e atribuir valor. Bom e ruim, por exemplo. Mas o ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Quem ama futebol, não é torcedor, é admirador. Amante do futebol pode até escolher um time para brincar de rivalidade, mas no fundo do peito de capotão, não se deixa aprisionar por uma camisa. Torcedor é soldado fardado que luta contra o inimigo. Torcedor é um bando de loucos. Admirador é ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O acordo tácito é colocar um ou dois. Quando ambos colocam quantidades iguais, sendo que 1+1=2 e 2+2=4, dá par. Quando colocam quantidades diferentes, sendo que 1+2=3 e 2+1=3, pois a ordem dos fatores não altera o produto, dá ímpar. Simples! Zero bronca!  Mas entre aqueles dois não havia acordo ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Certa vez, a fim de promover a inteligência artificial, a empresa IBM contratou um grupo de cientistas e lhes deu a missão de criar um computador capaz de vencer o campeão de xadrez Garry Kasparov. Os cientistas criaram um super computador e o programaram com todas as jogadas de todos ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Alistamento militar obrigatório não é só do corpo, é da alma também. É alquimia às avessas. Pessoas ensolaradas, com talento de ouro e que, marchando um-dois-feijão-com-arroz, vão se transformando em soldadinhos de chumbo. Tenho um amigo que é ouro puro tocando violão, daí, várias vezes, me diz: “Não sei se ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Ser humano só faz sentido junto e misturado. Por isso reclamamos da poluição, da enchente, do trânsito, da violência, mas não saímos da muvuca. Gostamos mesmo é de bafafá. Somos favelados por natureza, independente de classe social.  Adoro muvuca. É a diversidade que cria e alimenta o escritor em mim ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Fui no Cristo Redentor pela segunda vez. Não me lembrava o tanto que é preciso subir para chegar no céu, nem do inferno que é preciso atravessar. Sobe de van. Desembarca. Pega outra van. Desembarca. Sobe de escada. E o sol? Tava foda! Pensei em escrever escaldante, mas tava foda ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Lula disse que aconteceram três milagres na sua vida. O primeiro foi ter sobrevivido à fome nordestina. O segundo foi adquirir diploma de torneiro mecânico. O terceiro foi adquirir consciência política. É verdade. Mas o terceiro é milagre ou castigo? Consciência não anda para trás, seja política ou de qualquer ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Fazer o que? Segura o tchan! A gente dá um passo e não se encaixa mais na caixa. Ah ah ah o lepo lepo. Ou a gente encaixa em si mesmo ou fica espremido entre ser ou não ser. É um auê ê. Fico fora de órbita. Plunct Plact Zum. Teve uma ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Me imagine tocando violão. Sempre. Ininterruptamente. Pode ser que não esteja tocando violão de fato, de verdade verdadeira, sem dedo cruzado atrás das costas. Pode ser que esteja em pé, suado, irritado, dentro do 856R Lapa. Pode ser que esteja comprando alicate de unha no viaduto Santa Efigênia. Pode ser que esteja ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Você tem inveja de alguém? Se sim, imagine a pessoa cagando. É tiro e queda. A inveja desaparece imediatamente. Eu tenho inveja do jeito de dançar do Michael Jackson, por exemplo. O cara parece que tem osso de borracha. O que faço? Simples! Imagino o cara dançando em cima da ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
A quarta guerra mundial será com paus e pedras e Tropa de Elite 5 será só caveiras. Explico. No filme 1, o Capitão Nascimento acreditou que a culpa era dos infratores da lei e apontou sua arma para os bandidos: “Bandido bom é bandido morto”.  No filme 2, o Capitão Nascimento acreditou que o buraco era ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
O mundo parou para ver o mundo correr. Até aí, nenhuma novidade, correr atrás do ouro não é privilégio de atleta olímpico, é rotina social. Corremos atrás do ouro desde que o mundo é mundo. Mas dessa vez a rotina estava pintada de Usain Bolt, o homem mais rápido do mundo, expoente maior ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Educação é vaca amarela. Por isso nos colocam para assistir Galinha Pintadinha 24 horas por dia. É um aviso. Significa: bico calado ou come toda bostadela. Atualmente, como a vida virou um smartphone, a vaca amarela ficou online. Veja quantas estão pastando pela sua timeline. Alguma vez você já conversou com elas? Alguma vez ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
A professora leu minha redação em voz alta e disse que eu tinha veia poética. Fiquei preocupado. Minha turma era da pesada. Embora não soubesse o que era poesia, ter veia poética pegava mal. Mas fiquei curioso. Então, quando a aula acabou, fui conversar com a professora e perguntei: “O ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
— É hoje? — eu perguntava todos os dias ao acordar. Uma vez a cada sete dias a cabeça balançava para cima e para baixo. Para mim, além de resposta afirmativa, era dia do suquinho. Só de pensar, meu estômago lambia os beiços. Logo me voluntariava a carregar as sacolas ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
Eu estava procurando deus. Procurando eu. Coluna do meio. Coluna ereta. Dedos pitagóricos. Pernas cruzadas em posição de flor de lótus. Ar entrando e saindo do pulmão oceânico. A boca pronunciava um mantra. O que é mantra? Tipo assim: gasolina para os chacras. O que são chacras? Tipo assim: rodas ...
Ler | Ouvir | Assistir | Compartilhar
© 2018 · Marcelo Ferrari