Tag: Amor

A – bê – cê – dê

26/04/2003 by in category Imperativos, Poemas tagged as , , , ,

A – bê – cê – dê! o que tiver o que só você pode dar: ímpar. A – bê – cê – dê! espaço ao sufocado desconto ao freguês olhar quarenta e três bolacha mordida na metade ombro mil e uma utilidades. A – bê – cê – dê!  beijo, abraço, salada mista sincera devoção a trindade […]

0 0 Read more

Amor gramátical

26/04/2003 by in category Poemas tagged as ,

Se tivesse um pingo de consoante por mim vírgula eu exclamaria dois pontos na mesma linha acento agudo volta mas você travessão na rua fechou aspas e foi embora.

0 0 Read more

Amar é burrice

26/04/2003 by in category Crônicas, Vídeos tagged as ,

Você ama alguém? Desculpaí, mas você é muito burro! Você ama de verdade? Do fundo do coração? Então você é um completo idiota. Não importa se você ama seu pai, sua mãe, seu marido, sua mulher, seu filho, Jesus ou a humanidade, você é burro do mesmo jeito! Quer ver só? Se você ama, você […]

0 0 Read more

Big Belém

25/04/2003 by in category Contos tagged as , , , ,

O sino da catedral toca como em ringue de boxe. Azul contra vermelho. Direita contra esquerda. Certo contra errado. O bem contra o mal. Multidão fazendo aposta. Urrando. Mas os lutadores não escutam nada. Estão usando tampões nos ouvidos. Os lutadores lutam. Socos, socos, loucos… De repente, o lutador vermelho é golpeado na cabeça e perde os tampões. Ele […]

0 0 Read more

Contado nos dedos

24/04/2003 by in category Poemas tagged as , ,

O amor que você me deu ainda não acabou: transformei-o em cajuzinhos. Está em cima do armário envolto em papel alumínio dentro de um pote. Vez ou outra quando dá boca salgada pego um cajuzinho e degusto feito hóstia. Evito ir com sede ao pote pois o amor que você me deu é amor contado […]

0 0 Read more

Doação de poeta

23/04/2003 by in category Poemas tagged as , , ,

O que pode o poeta dar senão seu espanto seu pranto seu canto seu cacarejar? O que pode o poeta oferecer senão seu ser seu santo seu encanto seu despertar? O que pode o poeta roubar senão seu olhar embriagado distraído entorpecido de mau-olhado? O que pode o poeta sim? O que pode o poeta […]

0 0 Read more

Egoísmo maior (música)

22/04/2003 by in category Músicas tagged as , , ,

Música: Sílvia Rodrigues e Israel Moro Letra: Marcelo Ferrari Voz: Sílvia Rodrigues e Israel Moro Voz poema: Marcelo Ferrari Produção musical: Marcelo Ferrari Edição clip: Marcelo Ferrari Que o meu egoísmo seja tanto que abrace o universo inteiro. Que o meu egoísmo seja santo santo e verdadeiro. Se o que eu quero é o que você quer […]

0 0 Read more

Eu gosto dela

22/04/2003 by in category Músicas tagged as , ,

Música e letra: Marcelo Ferrari Voz: Lucas Mendes Back: André Sampaio e Marcelo Ferrari Baixo: Dario Forghieri Produção musical: Marcelo Ferrari Edição clip: Marcelo Ferrari Ela curte uma parada transcendental Eu toco violão Ela estava marcada no meu mapa astral Eu sou de leão Ela diz tudo que pensa sem protocolo Eu toco Jorge bem […]

0 0 Read more

Egoísmo maior (poema)

22/04/2003 by in category Poemas tagged as , ,

Que meu egoísmo seja tantoque abrace o universo inteiro. Que meu egoísmo seja santo e verdadeiro. Que meu egoísmo seja tantoque abrace o que não tem fim. Que meu egoísmo seja portanto o melhor que há em mim. Que meu egoísmo seja um cantoem pleno apogeu. Que meu egoísmo seja um tantomaior do que eu.

0 0 Read more

Facinho

21/04/2003 by in category Músicas tagged as , ,

Música e letra: Marcelo Ferrari Voz: André Sampaio Produção musical e voz: Marcelo Ferrari Edição clip: Marcelo Ferrari Se voce quer arranjar confusão Se voce quer arranjar confusão Me erra Não sou de guerra Se liga Não sou de briga Tô fora Não sou de espora Repito Não sou de atrito Mas se voce quiser fazer […]

0 0 Read more