ÍNDICE

Preço da democracia

11/04/2003 by in category Crônicas tagged as , , with 0 and 0

Éramos uma banda democrática. 12 integrantes. Todos tínhamos direito de voto, até mesmo em assuntos dos quais entendiamos muito pouco ou absolutamente nada. Por exemplo, o layout da capa do CD. Sendo assim, muitas e muitas e muitas e muitas e muuuuuuitas vezes, vencia a pior opção (do ponto de vista técnico). Me lembro que o baterista ficava indignado e resmungava: “Democracia é uma merda!”. Eu também ficava incomodado de ver as melhores opções indo para o lixo e o lixo sendo eleito a melhor opção. Mas não resmungava. De alguma forma já suspeitava do que entendo hoje, que democracia não é uma forma de governo, é uma forma de aprendizagem.

Só existe aprendizagem onde existe a possibilidade de errar. A bola de basquete não aprende porque não erra a cesta. Quem erra é o arremessador. Democracia é arremesso coletivo, todos descobrindo e aprendendo o que é melhor para todos através da possibilidade de errar. Democracia é a coletividade executando a possibilidade do equívoco para consequente aprendizagem. Claro que os lúcidos pagam o preço momentâneo do equívoco. Mas sendo lúcidos, sabem que é um preço barato. Pois, parafraseando o ditado, ”Se você acha que aprendizagem custa caro, experimente investir em ignorância”.

Creio que o comunismo é a melhor opção. Não um comunismo político, mas um comunismo óbvio. Para mim, é óbvio que ninguém é dono de nada, a não ser de si mesmo, e que todos compartilham de tudo. Creio que os comunistas políticos enxergam um pouco disso. Porém, como são minoria, assim como o baterista da banda em que tocava, só lhes resta perder para democracia. A não ser que optem pela corrupção ideológica e passem a viver na ética do “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço” para enganar a democracia. Funciona. Mentir também é uma opção. Também é democracia. Mas é o barato que sai caro.

Domingo aprenderemos um pouco mais dessa lição.

Leia mais:
LISTA DE TRANSMISSÃO
Receba um texto por dia
34998770140