Parede

11/04/2003 by in category Poemas, Vídeos tagged as , , with 0 and 0

Quer fazer a diferença?
Construa uma parede.
Quer mudar o mundo?
Pinte sua parede de amarelo manga.
Quer ensinar o tom certo?
Escreva a teoria do amarelo manga na parede.
Quer que todos leiam?
Coloque a parede no meio da rua.
Quer transformar sua teoria em religião?
Fale mal da parede dos outros.
Quer ser considerado messias?
Diga que construiu a parede do nada.
Quer que todos acreditem nisto?
Esconda os tijolos com massa corrida.
Quer criar uma franquia?
Escreva o livro sagrado da construção da parede.
Quer ter muitos franqueados?
Diga que é pecado construir paredes diferentes.
Quer que os franqueados obedeçam?
Diga que do outro lado da parede é o inferno.
Quer se sentir poderoso?
Sente-se no topo da parede.
Quer fingir que é humilde?
Olhe para baixo.
Quer ser feliz?
Destrua sua parede.

Leia mais:
Foda-se Se a comida está sem sal (foda-se) Se enfiou o pé na jaca (foda-se) Se...
Quando deus atinge a... Tudo começa quando o despertador toca as 6:27 da manhã. Crianças acordam, ...
Dono Não usa coleiraNão corre atrás de osso Tácagandando Quando lhe perguntam o n...
Espalhe a palavra!

AUTOR


Meu nome é Marcelo Ferrari. Nasci ontem. Quando fiz dez anos, completei dezoito. Tenho um chinelo azul com alça vermelha que não serve para poesia. Escrevo o que a inspiração põe e a expiração tira. Não uso heterônimos, sou usado por eles. Só sei ser sendo, dançar dançando, escrever escrevendo e ferrari ferrariando. Minha literatura não é pá pum e pronto! É pá pum escreve. Pá pum lê. Pá pum edita. Pá pum relê. Pá pum reedita. Pá pum rerelê. Pá pum rereedita. Até que pá puta que pari! Nunca estarei ponto! E pronto! Me imagine tocando violão. Sempre. Ininterruptamente.

        

Scroll Up