Nossa falta

13/04/2003 by in category Poemas, Vídeos tagged as , , , , with 0 and 0

Andamos pelas estradas
cruzamos horizontes e rios
construímos pontes
passamos frio
moramos na cidade alta
embaixo do trem
mas quem vai sentir nossa falta
quando não houver
mais ninguém?

Brigamos entre tribos
dividimos os dias em feiras
enchemos a biblioteca de livros
pra depois jogá-los na fogueira
pra luz cair pela ribalta
sobre a espuma
mas quem vai sentir nossa falta
quando não fizermos
falta alguma?

Cantamos canções de amor
trocamos mercadorias
inventamos deuses e deusas
tristezas e alegrias
roubamos no jogo de damas
prendemos os bandidos
mas quem vai sentir nossa falta
quanto todos
tivermos partido?

Leia mais:
Ela suporta Ela suporta os porres do marido os podres do padre o jogo do bicho a...
Porque desisti de se... Quando ainda era cria de um anjo reto, fiz algumas oficinas de literatura na...
Novo Chico Certa vez, na sauna do clube, que é um ambiente masculino e adulto, ouvi um ...
Espalhe a palavra!

Marcelo Ferrari


Nasci ontem. Quando fiz dez anos, completei dezoito. Tenho um chinelo azul com alça vermelha que não serve para poesia. Escrevo o que a inspiração põe e a expiração tira. Não uso heterônimos, sou usado por eles. Só sei ser sendo, dançar dançando, escrever escrevendo e ferrari ferrariando. Minha literatura não é pá pum e pronto! É pá pum escreve. Pá pum lê. Pá pum edita. Pá pum relê. Pá pum reedita. Pá pum rerelê. Pá pum rereedita. Até que pá puta que pari! Nunca estarei ponto! E pronto! Me imagine tocando violão. Sempre. Ininterruptamente.

emailferrari@yahoo.com.br
 

    


© 2017 · FERRARIANDO · Marcelo Ferrari
Scroll Up