Literatura papum

15/04/2003 by in category Poemas tagged as , with 0 and 0

Escrevo o que a inspiração põe e a expiração tira. Não uso heterônimos, sou usado por eles. Já fui ventríloquo de sabonete até pronunciarte. Não acredito no direito autoral das torneiras, mas tenho certeza que tomate é fruta. Só sei ser sendo, dançar dançando, escrever escrevendo. Minhas referências literárias são científicas. Minhas referências cientificas são contos de fadas. Minha literatura não é pá pum e pronto! É pá pum escreve. Pá pum lê. Pá pum edita.Pá pum relê. Pá pum reedita. Pá pum rerelê. Pá pum rereedita. Até que: páputaqueopari!

Relacionados