Cem por certo

24/04/2003 by in category Poemas, Vídeos tagged as , , with 0 and 0

O certo não sai pela buceta
é a cegonha que traz.

O certo não usa fraldas
não chupa o dedo
não mamamamadeira
não come cocô
não mija na cama.

O certo já teve infância
mas nunca chegou a ser criança.

O certo é zen
é punk
é pop
é rasta
é sk8.

O certo é contra
o certo.
O certo é a favor
do certo.

O certo ama o próximo.
O certo não é preconceituoso.
O certo não engorda
não tem celulite
cera na orelha
pelo no nariz
espinha no rosto
e alface no dente.

O certo não sente dor
não tem hemorroidas
enxaqueca
dente sensível
unha encravada
colesterol alto
hipoglicemia
labirintite
reumatismo
osteoporose
nem alergia
a kriptonita.

O certo não tem TPM.

Frustração
Renato Russo
e Nietzsche
são palavras que
de serto
não existem
no dicionário
certo.

O certo não odeia
não tem sede de vingança
de bater no próximo
explodir o supermercado
e o shopping-center.

O certo não peca
nem em pensamento.
O certo não se imagina
transando com a mãe
com o pai,
com pessoas
do mesmo sexo
com animais
ou vegetais.

O certo não tem pinto.
O certo não tem cu
nem medo.

O certo nunca erra.
No teclado certo
não tem interrogação.

O certo não sofre
não se descabela
não rói as unhas
não dá piti
não tem crise
existencial.

O certo não sente calor
nem frio
nem desejo
nem poesia
nem saudade
nem prosa
nem culpa
nem a si mesmo.

O certo mora numa casa
isenta de impostos
sem mosquitos
ou infiltração.

Na casa do certo
cabe tudo que ele quer
só não tem espaço para vida
como ela é.

Relacionados