Anel de Clarice

26/04/2003 by in category Contos tagged as , , , , with 0 and 0

Clarice está procurando um anel. Na verdade, não é Clarice que está procurando, é sua personagem. Ela procura nas gavetas, nos armários, em todo lugar, até desistir. Assim que desiste, vai até a cozinha tomar chá e encontra o anel dentro de uma xícara. Não é exatamente assim, mas imagine assim mesmo, é suficiente.

Depois do chá, a personagem de Clarice resolve procurar a carteira. Procura nas gavetas, nos armários, em todo lugar, até lembrar que o anel só apareceu quando desistiu de procurá-lo. Ela desiste de procurar e volta à cozinha para tomar outro chá. Só que dessa vez não encontra nada dentro da xícara. Não é exatamente assim, mas imagine assim mesmo, é suficiente.

Por fim, a personagem de Clarice percebe que o truque de encontrar o que está procurando só funciona quando ela desiste de procurar de verdade e ela só está fingindo desistir. “Como faço para desistir de verdade?”, a personagem de Clarice se pergunta.

Na verdade, não é a personagem que se pergunta, é Clarice. 

Na verdade, não é Clarice, sou eu.  

Na verdade, não sou eu, é você.

Leia mais:
Primeira vez de um s... Pessoa tinha a voz do Tim Maia, o humor do Tim Maia, a barriga do Tim Maia e...
Terreno Baldio O que vejo no terreno baldio não é o que vejo é o que visto é o que dese...
Cara da balada com o... é filho do dono da TAM, é filho do dono da Brastemp, é o filho da put...
Espalhe a palavra!

Marcelo Ferrari


Nasci ontem. Quando fiz dez anos, completei dezoito. Tenho um chinelo azul com alça vermelha que não serve para poesia. Escrevo o que a inspiração põe e a expiração tira. Não uso heterônimos, sou usado por eles. Só sei ser sendo, dançar dançando, escrever escrevendo e ferrari ferrariando. Minha literatura não é pá pum e pronto! É pá pum escreve. Pá pum lê. Pá pum edita. Pá pum relê. Pá pum reedita. Pá pum rerelê. Pá pum rereedita. Até que pá puta que pari! Nunca estarei ponto! E pronto! Me imagine tocando violão. Sempre. Ininterruptamente.

emailferrari@yahoo.com.br
 

    


© 2017 · FERRARIANDO · Marcelo Ferrari
Scroll Up